Mais opções

Cemitério Consolação

Rua da Consolação, Consolação, CEP: 01302-001
Administração: 113-256-5919

Homenageie com uma coroa de flores

O Cemitério da Consolação está localizado na R. da Consolação, 1660 – Consolação, São Paulo – SP, 01302-001. O Cemitério da Consolação é a mais antiga necrópole ainda em funcionamento na cidade de São Paulo e uma das principais referências do Brasil no área da arte tumular. Seu principal objetivo na época era de garantir a salubridade e evitar epidemias, pois viria para substituir o hábito então recorrente de sepultar os mortos nos interiores das igrejas. O Cemitério da Consolação é um dos 22 cemitérios públicos administrados pelo Serviço Funerário do Município de São Paulo. Com a prosperidade advinda da aristocracia da cafeicultura e o surgimento de uma expressiva burguesia em São Paulo, o Cemitério da Consolação passou a abrigar obras de arte produzidas por escultores de renome, que serviam para ornamentar os jazigos de personalidades importantes na história do Brasil. O cemitério possui em sua área um ambiente arborizado e tranquilo, oposto da agitada rua de mesmo nome. O ambiente apresenta trezentas esculturas e trabalhos de artistas importantes como Victor Brecheret e o arquiteto Ramos de Azevedo, que projetou o portão monumental do cemitério. O local abriga um grande número de sepulturas de figuras conhecidas, além de personalidades da história paulistana, como: Tarsila do Amaral, Mário de Andrade, Monteiro Lobato, Ramos de Azevedo, Marquesa de Santos e Líbero Badarò. Além do monumental mausoléu da família Matarazzo, considerado o maior da América do Sul, alcançando uma altura de aproximadamente um prédio de três andares. O cemitério mantém visitas guiadas, através de agendamento prévio, por meio do projeto Arte tumular, que é coordenado pela administração do cemitério. Essas visitas tem o intuito de compreender a história do cemitério, as obras de arte, conhecendo as pessoas e famílias sepultadas no local.

Homenageie com uma coroa de flores